ATENÇÃO NUTRICIONAL E GANHO DE PESO GESTACIONAL EM ADOLESCENTES: UMA ABORDAGEM QUANTIQUALITATIVA

SANTOS, Marta Maria Antonieta de Souza; BARROS, Denise Cavalcante de; BAIÃO, Mirian Ribeiro and SAUNDERS, Claudia. Atenção nutricional e ganho de peso gestacional em adolescentes: uma abordagem quantiqualitativa. Ciência e Saúde Coletiva (Impresso), v. 1, p. 1-18, 2012.

RESUMO 

Neste estudo procurou-seavaliar o impacto da assistência nutricional (intervenção) sobre o ganho de peso gestacional total de adolescentes e compreender a percepção das adolescentes sobre a intervenção. Trata-se de umainvestigação quantiqualitativa com triangulação de métodos, realizada em uma maternidade pública do Rio de Janeiro com 204 adolescentes, subdivididas nos grupos pré-intervenção e intervenção. A hipótese de homogeneidade de proporções foi testada por análises bi e multivariada, por meio de regressão dePoisson com variância robusta. Na abordagem qualitativa realizou-se entrevista semi-estruturada com 12 adolescentes, cujos dados foram submetidos à análise de conteúdo. Os resultados apontam queaintervenção não exerceu efeito positivo na adequação do ganho de peso gestacional total. As adolescentes perceberam o plano alimentar comoum conjunto de regras incompatíveis com suas condições de grávidas. A categoria “quase toda consulta era a mesma coisa” surgiu como síntese da percepção sobre a intervenção. Concluiu-se quehá necessidade de reavaliar oinstrumental tecnocientífico balizador da assistência nutricional e transformá-la em cuidado centrado na tomada de decisões compartilhadas.

Palavras-chave: Ganho depeso, Gravidez na adolescência, Estado nutricional.